Frescura Urbana

28 / 05 / 2019
Para mais informações, visite o site do gabinete Lima Gaspar Lobato Santos Arquitectos e da Branco sobre Branco.
Fotografia: Alexander Bogorodskiy
 
É no coração da baixa pombalina, na Rua Augusta, que encontramos este supreendente projecto do estúdio Lima Gaspar Lobato Santos. Um apartamento de 70 metros quadrados que, apesar de já ter perdido, ao longo do tempo, algumas das suas características distintivas, procurou adaptar-se ao estilo de vida e necessidades contemporâneos dos seus usuários, respeitando a herança arquitectónica.

O objectivo seria “habitar num edifício antigo e usufruir de confortos contemporâneos sem descaracterizar a matriz inicial”, explica o estúdio, um trabalho que levou a diversas alterações na tipologia (tais como a introdução de um elevador e de novas redes de infraestruturas), recuperando técnicas e materiais antigos como o cal e a madeira.

O design de interiores ficou a cargo do estúdio Branco sobre Branco, que procurou criar um diálogo desimpedido entre os vários espaços. A resposta acabaria por se materializar com uma decoração simples e neutra, privilegiando a “disposição do mobiliário seguindo o equilíbrio simétrico e materiais com acabamentos nobres, com texturas como a madeira”. Destaque para o candeeiro de suspensão North do designer Israelita Arik Levy, cadeiras inspiradas no modelo RAR de Charles & Ray Eames e pintura a óleo de Maria Beatitude.