Refúgio Urbano

22 / 11 / 2018
Para mais informações, visite o site da Casa 14 Arquitetura.
Fotografia: Maira Acayaba
Estamos na região do Parque Ibirapuera, no coração de São Paulo, onde desvendamos esta residência verdadeiramente deliciosa, concebida por Mariana Andersen e Mariana Guardani do estúdio brasileiro Casa 14 Arquitetura. Esta casa de três andares, pensada para um escritor, procura conciliar diferentes espaços onde o proprietário possa morar, trabalhar e desfrutar em pleno.

A resposta acabou por ganhar forma sob um registo fresco e contemporâneo, marcado pela abundância de luz natural e a presença de peças de arte. “O mobiliário foi exclusivamente pensado para valorizar designers brasileiros e as obras de arte e tapetes estabelecem o contraste com a ausência de ornamentos e o desenho em linhas retas da residência,” explica o estúdio. A profusão da natureza faz-se sentir através das grandes aberturas nas paredes, reforçando a comunhão entre o meio envolvente e a casa.

O sentido do espaço é uma das características mais evidentes dos espaços, sendo intuitivo o desígnio de cada um. No primeiro piso, descobrimos os quartos, a cozinha e a área de serviço enquanto que o segundo é preenchido por um ambiente silencioso e inspirador, composto por uma biblioteca com mais de cinco mil obras e um pequeno jardim exterior para ler e escrever. As áreas sociais, entre elas um estúdio de música, jacuzzi, sauna e um espaço para churrasco, tornam-se no lugar ideal para relaxar ao final do dia.